Como fazer séries
Como o sistema de merchandising ajuda a gerenciar o espaço de gôndolas com efetividade
Como fazer séries

Como o sistema de merchandising ajuda a gerenciar o espaço de gôndolas com efetividade

7 min de leitura
David Field
David FieldCustomer Success
sistema de merchandising

Atualmente, e como nunca antes, o setor de varejo está sujeito às demandas altamente variáveis dos consumidores. As abordagens e estratégias comerciais estão se transformando, e uma verdadeira revolução está acontecendo: o produto não é mais o objetivo final; as empresas estão buscando interagir a um nível emocional com os clientes para dar a eles a melhor experiência de consumidor que já tiveram. Um varejista moderno precisa ser flexível, adaptando-se rapidamente às realidades atuais e aplicando as soluções tecnológicas mais recentes. 

Este artigo abordará os passos essenciais para escolher e instalar o melhor sistema de merchandising para o seu negócio. Ele ajudará você a aumentar seu giro de estoque, reduzir o número de vendas perdidas, ganhar o controle total sobre o fluxo de clientes, gerenciar melhor todas suas lojas e a criar planogramas com mais rapidez.

O que é o merchandising moderno, e por que sua empresa precisa dele? 

Os clientes estão se tornando cada vez mais seletivos e dispostos a tomar decisões impulsivas; eles não mais estão satisfeitos com os locais, com as lojas e com as experiências às quais estão acostumados. Atender às necessidades dos clientes atualmente não acaba mais no momento da venda do produto, pois agora eles querem uma experiência completa e que os estimule a voltar para a loja. Os clientes estão ativamente buscando por novas tecnologias e interatividade, preferindo cada vez mais realizar suas compras pela internet. 

O cliente moderno não quer ficar na fila, eles querem pagar pelos produtos escaneando rapidamente um código pelo celular.

Várias lojas incorporam ativamente novas tecnologias e interatividade às suas estratégias de marketing e aos seus guias de merchandising. Por exemplo, elas instalam recursos de displays com realidade aumentada que são ativados pelos smartphones, adaptam seus equipamentos às condições climáticas, utilizam materiais reciclados para se tornarem mais sustentáveis e ativamente utilizam os serviços de Big Data.

O merchandising hoje em dia é toda uma filosofia que dita a relação entre a marca, o produto, a loja e o cliente.

As estratégias atuais de merchandising são responsáveis por permitir interagir com as emoções dos clientes. Com as ferramentas de merchandising, você pode contar uma história para o seu cliente, e ele por sua vez se tornará uma parte dela. Você já percebeu como os formadores de tendências e os líderes internacionais do varejo começaram a envolver artistas nas decorações das lojas, ou até mesmo os gigantes da moda que começaram a experimentar com os manequins mais “humanizados”? As redes alimentares mudam seus cartazes de pessoas comendo sorvetes nos dias ensolarados para os de xícaras confortáveis de café quando o clima está chuvoso. 

Elas querem que os clientes pensem: “Uau, essa é uma ótima ideia. Deixa eu criar um stories e mostrar para o pessoal”. Na busca por emoções, as estratégias de merchandising são a luz que ilumina o caminho.

O que é necessário para gerenciar as mercadorias? 

Os varejistas modernos devem ser capazes de adequar suas lojas de acordo com as necessidades dos seus clientes o mais rápido possível, prevendo tendências de mercado e fazendo os devidos ajustes na hora certa. Flexibilidade é a principal qualidade de um lojista do mundo moderno.

Infelizmente, nem todos os varejistas conseguem se adaptar rapidamente, sobretudo devido aos seus processos comerciais internos. Portanto, é necessário seguir passo a passo, sendo crucial enxergar onde você está agora e aonde você quer chegar amanhã.

Várias empresas ainda montam seus planogramas manualmente ou utilizando o Excel na sede da rede. Desse modo, os planogramas são montados de uma forma generalizada para serem utilizados em todas as lojas, não considerando, por exemplo, fatores importantes como os comprimentos das prateleiras em cada loja, algo que deve ser levado em conta para que você possa saber exatamente quantos produtos você pode colocar nas prateleiras.

Caso seu negócio ainda esteja utilizando relatórios em papel para informar sobre o desempenho dos planogramas e seus gerentes estejam tendo que fazer um tour pela loja sempre que precisarem conferir e controlar os displays, não é surpresa nenhuma que seus processos sejam lentos, frágeis e inflexíveis. O grande número de tarefas de rotina sobrecarrega seus colaboradores e impossibilita que eles façam qualquer outra tarefa. Da mesma forma, os planogramas feitos manualmente demandam muito tempo e trabalho, além de trazerem consigo resultados que muitas vezes não justificam o esforço. 

Relatórios manuais sobre a gestão de mercadorias são a mesma história. Gasta-se muito tempo e esforços reportando e analisando a efetividade das estratégias de merchandising, o que geralmente faz com que algumas empresas simplesmente negligenciem todo o processo de análise do seu negócio, o que por sua vez faz com elas deixem de aproveitar as oportunidades de crescimento e desenvolvimento, nunca se tornando grandes players do setor de varejo. 

Algumas empresas terceirizam os serviços de merchandising e gestão do display, sobretudo para poupar tempo e dinheiro. Embora a terceirização da gestão e do controle das mercadorias possa ajudar a reduzir os gastos com os colaboradores, as empresas devem tomar cuidado com alguns detalhes: 

Transformação Digital: Elevando o Merchandising da sua loja ao próximo patamar

Ao tentarem gerenciar suas mercadorias da melhor forma possível, os lojistas podem se aproveitar dos recursos tecnológicos modernos para expressar sua criatividade, desenvolver soluções inovadoras e aumentar suas vendas. As capacidades dos sistemas de automação de estoque e gestão de displays são tão boas que basta o mínimo de intervenção humana para se alcançar ótimos resultados. 

Por exemplo, para criar um planograma com bom desempenho, você precisa preencher as dimensões do equipamento (prateleiras, gôndolas) no sistema e então inserir os SKUs que foram previamente filtrados pelos parâmetros necessários. Em seguida, depois de construir o planograma, ele pode ser distribuído para as lojas e, caso sua empresa siga o processo comercial de merchandising, o sistema reunirá fotos de como ficaram os displays após a aplicação do planograma nas lojas, permitindo que você analise os relatórios sobre o layout. Uma seleção parecida de tarefas rotineiras podem ser realizadas no sistema de gestão de mercadorias da LEAFIO.

A solução LEAFIO é um software de otimização de espaço de prateleiras com uma interface intuitiva. Ao ter acesso à nossa solução, você poderá monitorar a execução dos planogramas, desenvolver o planograma e otimizar o uso dos equipamentos da sua loja, criar layouts automaticamente e analisar o espaço de vendas da loja com base nos indicadores de vendas por metro quadrado, áreas com melhor ou pior desempenho, entre outros aspectos. 

Os sistemas modernos de gestão de merchandising possuem uma função de controle 24 horas para os colaboradores e as lojas. O sistema da LEAFIO permite que você controle quaisquer alterações feitas no layout e no sortimento de produtos em tempo real. Além disso, nossos recursos flexíveis e adaptáveis de análises e relatórios possibilitam a avaliação de desempenho da loja, da rede, do gerente, das categorias de produtos e até mesmo de cada produto específico.

A automação dos processos de gestão das prateleiras otimiza o serviço dos colaboradores e reduz o tempo gasto na gestão dos planogramas em até 4 vezes. Agora, a equipe pode focar mais no desenvolvimento estratégico, nas marcas, na criatividade e no destaque da empresa em relação à concorrência. A sincronização e o controle da disponibilidade de produtos no sortimento permitirá que a se poupe capital e evite acumular produtos desnecessariamente nos centros de distribuição e nas prateleiras. A arquitetura com base na nuvem garante a simplicidade de uso do sistema e a possibilidade de trabalho remoto por permitir a comunicação entre as lojas e a sede, o que é especialmente importante para a realidade atual.

Você gostaria de aumentar a lucratividade, reduzir o número de vezes que os colaboradores da sua empresa conferem as prateleiras diariamente, gerar o display de produtos baseando-se no giro dos produtos e avaliar a efetividade dos planogramas? Esta checklist ajudará você a avaliar a efetividade do seu display com base nos principais indicadores de desempenho e a aumentar o seu faturamento.


David Field
David FieldCustomer Success

ARTIGOS RELACIONADOS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Não perca nosso boletim semanal

18.232.56.9
;