Tendências
Regras para o Merchandising de Produtos nos Diferentes Setores de Varejo
Tendências

Regras para o Merchandising de Produtos nos Diferentes Setores de Varejo

9 min de leitura
Kris
Kristina SamyBusiness analyst
Merchandising de Produtos

O processo de merchandising é muito mais do que apenas organizar os produtos nas prateleiras. O merchandising é, em essência, uma das principais ferramentas de vendas no setor varejista. Quando utilizado corretamente, ele cria um ambiente no qual todos os produtos em display são capazes de satisfazer as necessidades dos clientes de alguma forma, garantindo um crescimento constante das vendas. Não existe uma abordagem única para ser utilizada em todas as lojas. É por isso que decidimos reunir as melhores estratégias para o merchandising de produtos, dependendo do setor em que a rede atua: mercearia, materiais de construção, farmacêutica, produtos para pets, entre outros.

SUPERMERCADOS

Supermercados

O princípio fundamental do merchandising de produtos segue a seguinte fórmula: “viu – gostou – comprou”. Tudo começa com o planejamento e organização do equipamento comercial, sendo que logo nessas etapas você já precisa levar em consideração as regras básicas do merchandising de produtos nas redes de supermercados.

As redes de supermercados possuem normas rígidas sobre a organização dos produtos de acordo com suas categorias. Por exemplo, você não pode colocar cereais na seção de produtos de limpeza ou, pior ainda, bebidas alcoólicas na seção de alimentos para bebês. 

Pertencem à área nobre as prateleiras que estão na altura dos olhos, geralmente entre 1,2 a 1,7 metros acima do chão, sendo esta a região com maior potencial de vendas. Para determinar o número de facings e os produtos específicos a serem colocados nestas prateleiras, é necessário conduzir uma extensiva análise de sortimento e de vendas.

De acordo com as pesquisas, 80% dos clientes tendem a seguir um fluxo da direita para a esquerda quando entram em uma loja. Portanto, ao posicionar produtos mais caros (ou em promoção) à direita, você poderá garantir a boa visibilidade destes produtos. Além disso, é importante também que você não se esqueça de posicionar as carnes, os pães e os laticínios longe da área de checkout, estimulando os clientes a andarem mais pela loja, já que estes produtos sempre atraem um fluxo grande de pessoas.

Todas as mercadorias grandes e volumosas (garrafas de plástico, grandes pacotes de farinha) devem ser colocados nas porções inferiores das gôndolas, já as pequenas e fáceis de pegar devem ser colocadas nas porções superiores. Organizando desta maneira, a loja fica com um visual muito mais espaçoso e confortável, evitando passar aquela sensação claustrofóbica aos clientes. 

Alguns especialistas defendem que é mais eficiente organizar o display de produtos de acordo com o preço, indo do mais barato para o mais caro (e vice-versa). No entanto, é importante que você tenha em mente que caso haja uma diferença clara de preços, a pessoa escolherá sempre os produtos que estiverem no meio termo entre o barato e o caro.

O sistema da Solução de Otimização de Planogramas da LEAFIO ajuda os usuários a acompanharem o processo de implementação destas regras e a avaliar sua eficácia, possibilitando não apenas a criação de planogramas, mas também o controle dos processos comerciais relacionados a merchandising de produtos e a obtenção de dados analíticos sobre o display.

MERCHANDISING DE MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO

Materiais para construção

Uma das particularidades do ramo de materiais para construção (incluindo as lojas de materiais para reformas) é que a variedade de produtos é bastante diversa e possui várias dimensões. São necessários tanto um grande espaço e quanto uma grande quantidade de equipamentos para exibir os produtos de uma forma lucrativa. Portanto, é importante prestar bastante atenção para manter a praticidade do display, utilizando os princípios de merchandising de produtos a seguir.

Um estudo feito pela Ripen eCommerce descobriu que a razão número um das pessoas comprarem em lojas físicas ao invés de virtuais é a possibilidade de avaliar os produtos com o toque. Portanto, crie displays que incentivam as pessoas a interagirem com seus produtos.

A maior parte do estoque não é armazenado na “área nobre”, tampouco no espaço da loja. Caso um cliente veja, por exemplo, uma lata de tinta, é importante que existam etiquetas para os diferentes volumes disponíveis para esta tinta e que isso seja feito de forma simples e intuitiva.

Nas lojas do ramo de materiais para reformas e construção, alguns dos produtos são representados exclusivamente por amostras. Apenas uma porção dos produtos fica nos estandes ou nas prateleiras (por exemplo, produtos como rodapés, azulejos, coberturas de piso ou, inclusive, ferramentas e aparelhos elétricos).

Até mesmo os displays mais criativos não funcionarão caso eles estejam mal-iluminados. Portanto, invista em uma boa iluminação para exibir seus produtos da melhor forma possível. Aproveite a iluminação para destacar produtos individualmente, e lembre-se que a cor da iluminação é importante também. Cores frias são melhores para o departamento de ferramentas, enquanto que as quentes são melhores para o departamento de móveis, estofados e materiais para quartos, por serem mais relaxantes.

Displays sazonais certamente atrairão a atenção dos seus clientes.Fique de olho no calendário e certifique-se de que as suas estratégias de visual merchandising combinem com as estações e os principais feriados.

Caso você esteja procurando por maneiras de apresentar mais produtos do que as suas estantes conseguem receber, experimente utilizar recursos tecnológicos para "expandir" a sua exposição. Com a ajuda de um display interativo, o cliente pode procurar exatamente pelo produto que deseja, facilitando na hora de tentar achá-lo na loja.

MERCHADISING DE PRODUTOS NAS FARMÁCIAS

Farmácias

O merchandising nas farmácias possui várias características:

A lista de produtos nas farmácias está se expandindo. Agora, elas não só oferecem medicamentos, mas também produtos de beleza, suplementos, vitaminas, alimentos e muitos outros produtos que não precisam de receita. Deste modo, para aumentar as compras é necessário que o display de produtos mantenha sua eficácia em várias áreas diferentes da loja. 

É importante ter em mente que as compras por impulso também ocorrem nas farmácias. Posicionar produtos relacionados a aqueles que estão em display é uma boa estratégia para estimular as compras por impulso. Produtos como cremes para as mãos, enxaguantes bucais e protetores labiais devem ser todos posicionados em um local bem visível e próximos uns dos outros.

O sistema da LEAFIO ajudará você a organizar o seu display de forma eficiente. Ele cria planogramas com mais rapidez e oferece uma ferramenta analítica que ajudará você a ter mais controle sobre todo o processo de merchandising.

Os produtos "Pegou, comprou" se referem às compras por impulso. Eles geralmente são produtos de higiene que ficam em recipientes pequenos ou, basicamente, qualquer coisa que você possa carregar facilmente e que tenha um preço acessível.

O merchandising vertical de produtos é eficaz neste caso quando os blocos são distribuídos por cor ou quando os produtos são organizados de acordo com sua finalidade, dependendo em qual parte do corpo o medicamento deve ser utilizado.

As pessoas geralmente compram das redes de farmácias que facilitam e simplificam o processo de compra. Portanto, facilite o máximo possível o acesso dos clientes aos produtos à mostra, evitando barreiras como caixas ou carrinhos. Não crie distrações com os materiais típicos de um ponto de venda. Os clientes esperam que as informações sobre onde encontrar os produtos sejam as mais claras possíveis. E lembre-se, a exibição estratégica dos produtos em um ponto de venda deverá sempre incentivar uma pessoa a comprar.

O DISPLAY DE PRODUTOS EM LOJAS DE SAÚDE E BELEZA

Lojas de saúde e beleza

As pessoas interessadas em produtos de beleza geralmente prestam bastante atenção aos detalhes estéticos, portanto, uma boa estratégia de visual merchandising terá um grande impacto neste grupo de consumidores. Um display de amostras grátis é algo comum em perfumarias e lojas de produtos de beleza. Em função disso, é comum que os displays de cosméticos fiquem desorganizados (e até mesmo sujos) após vários clientes experimentarem os produtos. Por isso, manter esta área limpa e organizada é extremamente importante. No entanto, não basta apenas isso. Veja a seguir tudo que deve ser considerado durante o merchandising de produtos em lojas de produtos cosméticos.

Existem vários produtos, e o display é organizado de acordo com categorias e mercadorias. Via de regra, os produtos são geralmente pequenos e com um estilo que reflete o design de suas marcas, portanto, é importante que as lojas não escolham cores muito claras para o seu design interior, tirando a atenção do cliente nos produtos. Há também um outro motivo: uma loja muito clara geralmente pode ser considerada como um estabelecimento voltado para mulheres e crianças, o que pode desestimular a clientela masculina - que já é pequena - de entrar na loja.

Caso não tenha cosméticos de luxo, você deve organizar os produtos de acordo com suas finalidades, e não de acordo com as marcas. Isto é, shampoos devem ficar em uma estante, batons em outra e os produtos para depilação, em uma terceira estante.

Para os cosméticos, o princípio de compras adicionais funciona bem. Isto é algo importante para ser levado em conta ao colocar produtos que são geralmente utilizados em conjunto com outros: condicionadores, máscara para cabelos, shampoo ou tonalizantes, facilitando o processo de compra para o cliente.

As empresas de cosméticos sempre lançam novos produtos, mas nem sempre os clientes sabem quais são os lançamentos (ou às vezes nem se importam com isso). Para estimular a compra destes produtos recém-lançados, é necessário que você utilize displays criativos para chamar a atenção dos clientes e aumentar o interesse deles. Você também pode oferecer brindes para estimular ainda mais a compra.

O DISPLAY EM PET SHOPS

Pet shops

Uma loja limpa e bem organizada pode fazer toda diferença para os clientes. Além disso, não esqueça que uma boa primeira impressão é importantíssima para o seu sucesso, portanto, tenha uma rotina frequente de limpeza e mantenha sempre um alto padrão de qualidade.

Vários pet shops são pequenos e possuem uma variedade limitada de produtos. Embora isso não seja necessariamente um problema, isto pode resultar em prateleiras vazias ou em produtos sendo colocados em locais totalmente inadequados. Caso a sua loja tenha prateleiras grandes, mas apenas três ou quatro produtos por prateleira, considere preencher o espaço extra com algum tipo de decoração. O visual merchandising é muito importante em um pet shop, então aproveite qualquer oportunidade para melhorar a estética da sua loja.

O display de produtos de acordo com o ciclo de vida de um pet facilita o processo de compra dos clientes e ajuda os tutores iniciantes que ainda não sabem por onde começar (ou o que devem comprar).

Por exemplo, o ciclo de vida dos cães é o seguinte: filhote, adolescente, adulto e idoso. Você deve vender os produtos de acordo com este ciclo de vida. Por exemplo, agrupe as seções de acordo com as espécies e idades dos animais, com embalagens de tamanhos parecidos.

Existem cinco grupos principais de vertebrados: mamíferos, peixes, aves, répteis e anfíbios. É importante organizá-los em categorias, subcategorias, segmentos e subsegmentos.

Para fazer um bom cross merchandising, basta que você coloque produtos de interesse perto de produtos essenciais do dia a dia. Por exemplo, você pode colocar alguns brinquedos perto das prateleiras de comidas para gatos.

Agora que as lojas físicas competem com as digitais, o merchandising de produtos se tornou importante para os setores. Os displays em diferentes setores têm suas próprias características, dependendo da variedade de produtos e das características de sua apresentação. Tudo isso deve ser levado em conta ao planejar a organização do espaço da sua loja, a seleção dos equipamentos e o desenvolvimento dos planogramas. Caso você queira criar o processo de merchandising ideal logo no início da sua empreitada, dê uma olhada na ferramenta de Otimização de Planogramas da LEAFIO e organize da forma mais eficaz possível o seu display de produtos.


Kris
Kristina SamyBusiness analyst

ARTIGOS RELACIONADOS

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Não perca nosso boletim semanal

18.208.132.74
;